terça-feira, 27 de agosto de 2013

O MANANCIAL



Olhe bem. Agora!
Brancuras em curva
triunfalmente una
- frescor rumo à forma -
guiam o equilíbrio
por entre o tumulto
- pródigo, futuro -
de um caos já vivo.
E a água desnuda
se desnuda mais.
Mais, mais, mais! Carnal
se apressa e se afunda. 

Jorge Guillén
Trad.:Izacyl Guimarães Ferreira