quinta-feira, 3 de julho de 2014

INSTANTE



O vento harpejava,
pianíssimo,
nos fios telegráficos.
A tênue onda sonora
vibrava na luz do dia.
Abelhas de sol zumbindo na tarde quieta.


Helena Kolody
in ‘Luz Infinita’